O Município

Dados do município/localização

Anivers√°rio: 31 de julho de 1849
Fundação: 31/07/1849
Gentílico: Acarauense
Unidade Federatíva: Ceará
Mesoregi√£o: Noroeste Cearense
Microregi√£o: Litoral de Camocim e Acara√ļ
Dist√Ęncia para a capital: 238,00

Dados de características geográficas

√Ārea: 84.288,00
População: 57542
Densidade: 6.827,00
Altitude: 7
Clima: Tropical At√Ęntico
Fuso Hor√°rio: UTC-3
Acara√ļ est√° situado na zona litor√Ęnea da Regi√£o Extremo Oeste do Estado do Cear√°, com extens√£o territorial de 843,0 km¬≤ e localiza√ß√£o geogr√°fica privilegiada, com suas terras banhadas pelo mar e pelas √°guas perenes do Rio Acara√ļ.

Partindo da capital, Fortaleza, o acesso é pela Rodovia Estruturante (CE 085) ou pela BR 222, com percurso aproximado de 238 km.

Com cerca de 60 mil habitantes, Acara√ļ tem popula√ß√£o flutuante sazonal devido √† pesca e √† irriga√ß√£o no Per√≠metro Irrigado.

Os principais ícones de sua economia são o coco, a castanha, a lagosta, o camarão e o peixe.

A cidade passa por processo de moderniza√ß√£o e crescimento econ√īmico, alavancados pelo setor educacional, com√©rcio e de servi√ßos, pesca, agricultura, carcinicultura, parques e√≥licos e turismo - por estar pr√≥xima √† regi√£o da Rota das Emo√ß√Ķes, do Minist√©rio do Turismo.
A hist√≥ria de ocupa√ß√£o do territ√≥rio do delta do rio Acara√ļ pelos √≠ndios trememb√©s8 come√ßou antes da chegada dos portugueses √† regi√£o, no s√©culo XVI.
Os portugueses fizeram um reconhecimento completo da região, bem como a usaram como base de apoio para a ocupação do litoral e como base de apoio para confrontos militares com os franceses, que ocupavam o Maranhão.6 Deste momento histórico existem várias cartas topográficas datadas dos séculos XVII.

Em 1608, instala-se e fixa-se o primeiro povoamento portugu√™s desta regi√£o que foi a "Aldeia do Cajueiro"9 (hoje Almofala), um aldeamento de √≠ndios criados por iniciativa dos Jesu√≠tas. J√° o in√≠cio do povoamento e a implementa√ß√£o econ√īmica √†s margens do Rio Acara√ļ pelos portugueses aconteceu com a chegada de fugitivos das guerras com os holandeses oriundos de Pernambuco,Para√≠ba e Rio Grande do Norte6 no s√©culo XVII; atrav√©s das entradas dos Sert√Ķes de Fora; com a instala√ß√£o da pecu√°ria e a produ√ß√£o do charque na capitania do Cear√°,no s√©culo XVIII.

O primitivo n√ļcleo da Barra do Acaracu serviu de ancoradouro a pequenas embarca√ß√Ķes e, depois, passou a chamar-se Porto dos Barcos de Acaracu. √Č o marco inicial do que, mais tarde, viria a ser a cidade de Acara√ļ. Antes do povoado da Barra do Acaracu, alguns quil√īmetros ao norte e tamb√©m √† margem direita do rio, que ficou conhecido como Pres√≠dio.6

No s√©culo XVIII, em 22 de setembro de 1799, o povoado foi elevado √† categoria de distrito de Acaracu da vila de Sobral. J√° sua eleva√ß√£o √† categoria de vila do Acaracu, com o distrito j√° desmembrado da jurisdi√ß√£o de Sobral, ocorreu segundo Lei 480, de 31 de julho de 1849, tendo sido instalada a 5 de fevereiro de 1851. A funda√ß√£o do munic√≠pio de Acara√ļ data de 31 de julho de 18496 . O t√≠tulo de munic√≠pio, j√° com a denomina√ß√£o atual de Acara√ļ, ocorreu segundo Lei 2 019, de 19 de setembro de 1882.

A freguesia foi criada pelo decreto geral de 5 de setembro de 1832, com a transfer√™ncia para a povoa√ß√£o da Barra do Acara√ļ da freguesia daIgreja de Nossa Senhora da Concei√ß√£o de Almofala, antiga miss√£o dos √≠ndios trememb√©s.
Os principais eventos culturais:

Festa da padroeira: Nossa Senhora da Conceição. Esta festa acontece na véspera do dia 8 de dezembro de cada ano, sendo este dia feriado municipal.
Festa do padroeiro São Sebastião - esta festa acontece na véspera do dia 20 de janeiro de cada ano, sendo este dia feriado municipal.
Carnaval, evento que tem atra√≠do muitos visitantes √† cidade por serem bastante tranquilos os festejos dos foli√Ķes.
Festival Junino : evento realizado pouco antes do seu aniversário de emancipação política, 31 de julho.
Miss Acara√ļ: Desfile realizado para elei√ß√£o da representante da beleza acarauense.
Festa do Camarão: Realizada em Outubro, é um evento de porte internacional, sendo realizada na cidade a feira internacional do camarão, atraindo visitantes nacionais e internacionais.
A administra√ß√£o municipal localiza-se na sede: Acara√ļ.
A regi√£o litor√Ęnea do Acara√ļ √© cercada de belezas naturais, banhadas pelo mar e pelo Rio Acara√ļ, com manguezais e paisagens paradis√≠acas, compondo um ambiente ideal para relaxar e repor as energias.

Nessa faixa de 34 km do litoral cearense, o vento sopra durante o ano inteiro, atraindo praticantes de esportes como kitesurf e kitebug. A época de ventos mais fortes é de julho a janeiro, quando a velocidade atinge de 18 a 35 knots.

Na Praia de Arpoeiras, considerada uma das maiores praias secas do mundo, ocorre um fen√īmeno natural que provoca o distanciamento de cerca de 2 km entre a mar√© alta e baixa, formando piscinas naturais com √°guas calmas e cristalinas.

O turista disp√Ķe de servi√ßos de restaurantes e bares, onde s√£o servidos pratos t√≠picos da regi√£o, incluindo peixes, crust√°ceos e frutos do mar.

A rede hoteleira oferece acomoda√ß√Ķes em pousadas, hot√©is e flats, disponibilizando ambientes agrad√°veis e tem√°ticos.

Pr√©dios com arquitetura do s√©culo passado, lado a lado com as constru√ß√Ķes modernas, s√£o um atrativo aos olhos dos visitantes.

As festas populares, entre elas o Carnaval, atraem milhares de turistas que buscam a diversão com a tranquilidade que o município oferece.

Hino

Do Cear√° nas extremas do norte,
Junto ao mar, onde um dia nasceu,
Acara√ļ evolui, sempre forte,
Neste solo que Deus escolheu.

(Estribilho)
Acara√ļ, terra bendita,
Campo de afã, berço gentil!
Acara√ļ, em ti palpita
O coração do meu Brasil!

Cobre as v√°rzeas de toda a ribeira
A riqueza de seus carnaubais.
E verdeja na zona praieira
A imponência de seus coqueirais.

Entre o Mangue da cor da esperança.
Passa o rio que a cidade limita.
E, bem perto, entre as ondas se lança,
Num painel de beleza infinita.

Exaltando esta terra t√£o boa,
No murmulho t√£o velho e t√£o novo,
Alto hino o oceano lhe entoa,
Em dueto com seu nobre povo.

Bras√£o do Acara√ļ


Bandeira do Acara√ļ


NOT√ćCIAS

| 01 DE NOVEMBRO DE 2018

O Dia Nacional da Consciência Negra é comemorado em 20 de novembro, dia da morte de Zumbi dos Palmares, e reivindica essa figura histórica como símbolo de resistência.

| 01 DE NOVEMBRO DE 2018

O Dia do Doador Voluntário de Sangue é comemorado anualmente em 25 de novembro no Brasil.

| 25 DE OUTUBRO DE 2018

Celebrado anualmente em 28 de outubro.

| 01 DE OUTUBRO DE 2018

Dedicado √† preven√ß√£o do c√Ęncer de mama

| 05 DE SETEMBRO DE 2018

O¬†Dia Nacional do Tr√Ęnsito¬†√© comemorado em¬†25 de setembro.